7 espécies que praticam homossexualidade no reino animal

1 - Girafas
O escritor e biólogo americano John Alcock, especialista em comportamento animal da Universidade do Estado do Arizona mostra que, em comunidades de girafas de maioria masculina, as fêmeas disponíveis podem ser ignoradas pelos machos. Na verdade, o comportamento homossexual entre girafas macho pode ser, em algumas comunidades, até mais comum que o comportamento heterossexual.
2 - Leões
Sim, entre os leões, símbolos de virilidade, força e dominação, também foram observados diversos casos de homossexualidade. Uma certa porcentagem de leões abandonam suas fêmeas para formarem suas próprias reuniões do mesmo sexo. E como os leões são um dos animais com maior impulso sexual entre os felinos, é provável que seus encontros sejam mais do que apenas interações inocentes
3 – Carneiros
A contagem de carneiros homossexuais vem tirando o sono de muitos cientistas. Um estudo mostrou que a proporção de carneiros machos que formaram pares com outros machos e nunca mais tiveram contatos com fêmeas chega a 8%.
4 – Elefantes
Elefantes machos africanos e asiáticos se envolvem em relações com o mesmo sexo. Essas relações envolvem beijos, entrelaçamento da trompa e colocar a trompa na boca um do outro. Ao contrário das relações heterossexuais, que são sempre pouco duradouras, as relações entre machos podem durar anos. Elefantes asiáticos em cativeiro chegam a ter até 45% de todos os encontros sexuais com indivíduos do mesmo sexo
5 - Bonobos (chimpanzé-pigmeu)
Bonobos, que são também conhecidos como chimpanzés-pigmeu, estão entre os animais mais inteligentes do mundo e também são um dos nossos “parentes” mais próximos. Eles vivem em sociedade matriarcal e são altamente sociais e mais tranquilos do que os violentos chimpanzés. Além disso, o comportamento bissexual na espécie é bastante comum. Cerca de 60% de todas as atividades sexuais entre bonobos ocorrem entre duas ou mais fêmeas. Infelizmente, essa incrível espécie corre risco de extinção e depende de máximo esforço para se manter na natureza.
6 - Libélulas
Insetos também podem ser gays. Na verdade, há uma extensa lista de insetos que já tiveram relações homossexuais observadas. Entre as libélulas, investigações revelam que há provavelmente uma frequência bastante alta de encontros entre libélulas do mesmo sexo, podendo ficar entre 20 e 80% entre os machos
7 - Galo-da-serra
O galo-da-serra é um animal lindo e espetacular, com uma cor laranja brilhante e uma enorme crista que chama a atenção. É também uma das espécies com maior incidência de relações homossexuais, chegando a até 40% dos machos – algo que não parece acontecer entre as fêmeas, neste caso
Enviar Google Plus

About Antonio Ferreira Nogueira Jr.

Contato- nogueirajr@folha.com.br
Revista- WMB

    Blogger Comment
    Facebook Comment

1 comentários:

Arqueologia disse...

Inclua por favor em tais espécies, os humanos, pois, em algumas sociedades os carinhos, afagos e aconchegos que são negados as mulheres são fartamente divididos entre homens, muitas vezes vistos como "machos alfa" em suas comunidades, ou seja, o lado feminino dos homens e o masculino nas mulheres são excessivamente intensos dificultando a clareza dos limites da heterossexualidade.